Lisboa, Vinhos e Gastronomia

Bistrô & Tapas: semanas gastronómicas são boa aposta

Ao entrar no Bistrô & Tapas recuamos no tempo… até à Expo 98. A decoração exibe fotos e carimbos da Exposição Mundial que mudou a zona oriental de Lisboa, já que o Hotel Tryp Lisboa Oriente, onde se situa o restaurante, abriu portas a 1 de fevereiro de 1998 para receber as delegações internacionais do evento, que se iniciou a 22 de maio.

Hoje, a zona do Parque das Nações, com muitos escritórios e oferta variada, obriga a uma gestão de cliente diferente de um típico restaurante de hotel: “apostámos em criar eventos apetecíveis, para que as pessoas escolham o Bistrô & Tapas”. Nasceram assim as Semanas Gastronómicas, sob o lema – “10 dias, 10 pratos, 10 euros”, explica-nos Vasco Malaquias de Lemos, adiantando que o menu inclui bebida e café.

O diretor-geral do Tryp Lisboa Oriente afirma que a aposta das cartas elaboradas duas vezes por ano pelo chefe executivo Paulo Anastácio (responsável também pelo restaurante do Tryp Aeroporto) é numa boa relação preço-qualidade, privilegiando os produtos nacionais. “Oferecemos também vinho a copo, de excelentes e, por vezes, menos conhecidos, produtores nacionais, como o Joaquim Arnaud, mas temos igualmente Quinta da Pacheca ou Papa Figos”.

Ao almoço, o cliente do Bistrô & Tapas é de fora do hotel, trabalha na zona e tem apenas uma hora para comer, pelo que os menus procuram dar resposta a este cliente habituée, mas “nunca esquecemos os nossos hóspedes, que durante a semana são, principalmente, os clientes business e ao fim de semana são famílias, espetadores e desportistas dos concertos e eventos de desporto do MEO Arena e que, muitas vezes optam por jantar no hotel”, salienta.

Semana das Francesinhas é das mais populares

Próximas Semanas Gastronómicas:
27 set./07 out. – Semana das Francesinhas;
25 out./04 nov. – Semana dos Cogumelos;
22 nov./02 dez. – Semana das Feijoadas.

As Semanas Gastronómicas surgiram para tornar o restaurante ainda mais apetecível para o cliente habitual e para atrair novos públicos, aqui primordialmente ao jantar. Há Semanas quase todos os meses e “têm sido um sucesso”, garante Vasco Malaquias de Lemos. “Nas de Cuba e do México até tivemos a presença dos embaixadores, que elogiaram a iniciativa e a comida” e os hóspedes também aderem ao evento.

Já as houve das Francesinhas (uma das mais populares, que até tem francesinhas doces…), da Madeira, das Sopas, dos Arrozes e de Itália, esta com a particularidade de os pratos serem confecionados pelo Chef Augusto Gemelli. Devido ao sucesso, se quiser provar as iguarias de uma destas Semanas Gastronómicas do Bistrô & Tapas é aconselhável fazer reserva.

Os clientes habituais do restaurante também são incluídos na preparação destas Semanas, adianta o diretor-geral do Tryp Lisboa Oriente, servindo de ‘cobaias’ aos pratos “porque são gente positivamente crítica, dão opiniões concretas e vivem mesmo a iniciativa”.

As cartas do Bistrô & Tapas, de primavera/verão e de outono/inverno – mantêm-se durante as Semanas Gastronómicas –, são desenhadas pelo Chef Paulo Anastácio, que preparou uma das receitas – truta fumada, salada colorida e molho de queijo– especialmente para o Portugal de Lés a Lés.

O diretor-geral do hotel refere ainda que a carta tem sempre opções de Cozinha Saudável, bem como pratos vegetarianos e lembra que ao lado do restaurante está o Bar do Tryp Lisboa Oriente que “é, muitas vezes, a única opção disponível na zona depois das 23h, sendo por isso escolhido pelos espetadores dos concertos e outros eventos do MEO Arena”, que podem optar pelas tapas, sopas ou sanduiches.