Batalha, Centro, Leiria-Fátima-Tomar

Já que fomos à Batalha

À Batalha vai-se pelo Mosteiro de Santa Maria da Vitória, que celebra Aljubarrota. Exemplo maior do Gótico tardio português é Património da Humanidade.

Mas já que estamos na Batalha, não deixemos de procurar outros motivos de interesse, como o Museu da Comunidade Concelhia da Batalha, com o seu presente, passado e futuro; ou a ponte da Boutaca, a única no país com quatro torreões de portagem que era preciso pagar noutros tempos. Desçamos às Grutas da Moeda ou subamos à Aldeia de Pia do Urso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Siga-nos no Facebook