©André Luís

O Sorraia que lhe dá vida

As bogas, carpas, barbos e bordalos povoam o Sorraia e são motivo para que muitos procurem Coruche como destino de pesca. Mas nas águas calmas e pouco profundas do maior afluente da margem esquerda do Tejo é possível outras atividades, sendo que descer o rio de canoa é uma das mais populares.

Siga-nos no Facebook